Como crio um pagamento com custódia?

 

Custódias podem ser criadas exclusivamente em integrações que criem pedidos e pagamentos através de um canal (APP OAuth), não estando disponível em nossa API v1 ou em nossa API de Assinaturas.

O único momento em que é possível determinar se haverá custódia é na criação do pagamento, não sendo possível submeter um pagamento já existente à custódia. Não há limitação referente às formas de pagamentos, sendo possível estabelecer custódia em pagamentos feitos por qualquer uma das formas de pagamento disponíveis em nossa API v2.

Para estabelecer que determinado pagamento seja submetido à custódia, o marketplace deve seguir 4 passos:

  1. Sempre que criar um pagamento o marketplace deverá determinar se esse pagamento entrará ou não em custódia.
  2. Caso seja autorizado, o Moip agendará a liquidação daquele pagamento de acordo com o prazo definido nas configurações do marketplace. Então, o marketplace terá 180 dias para liberar esse pagamento de Custódia.
  3. Se a Custódia for liberada antes da liquidação do Moip, na data agendada para liquidação o valor será liberado para o vendedor normalmente. Caso a Custódia não seja liberada antes da liquidação, no momento da liquidação o Moip fará um bloqueio do valor do pagamento e aguardará o marketplace liberar a Custódia para que o valor seja disponibilizado na conta do vendedor.
  4. Após a disponibilização dos valores de Custódia nas contas Moip, os vendedores podem fazer uso dos mesmos sem qualquer limitação.

Veja também:

O que é Custódia e como funciona?

Quais os status de custódia?

Como identifico um pagamento em custódia na Conta Moip?

Posso fazer o reembolso de um pagamento em Custódia?

O que acontece se um pagamento em custódia recebe um chargeback?

Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 0 de 0
Tem mais dúvidas? Envie uma solicitação

Comentários

Por favor, entre para comentar.