O que é Custódia e como funciona?

 

A Custódia é uma função transacional que permite que o proprietário de um marketplace determine quando o valor de uma venda será liberado na conta de um vendedor.

Isso serve para garantir a segurança de que o dinheiro foi liberado apenas quando há certeza de que o produto vendido foi devidamente entregue ao comprador ou que o serviço ofertado foi prestado. Dessa maneira, o marketplace evita prejuízos, além de conseguir se prevenir contra fraudes.

Na prática, a custódia permite que determinado pagamento seja bloqueado por um tempo superior ao prazo de repasse estabelecido pelo Marketplace, impedindo que o vendedor tenha acesso ao dinheiro até que comprove a entrega do produto ou serviço - ou qualquer outra regra que o Marketplace estabeleça.

Uma vez processado e autorizado, esse pagamento pode ser mantido em custódia por até 180 dias e, até ser liberado, ficará bloqueado para todos os recebedores da transação, incluindo o marketplace, sendo este o único autorizado a liberar o bloqueio. A liberação da Custódia deve ser feita via API, utilizando as chaves do canal e o ID da Custódia.

Caso não haja nenhuma ação por parte do Marketplace, após os 180 dias o pagamento será liberado.

É possível, também, estabelecer regras de reembolso automático do pagamento após determinado período dentro dos 180 dias.

Veja também:

Como crio um pagamento com custódia?

Quais os status de custódia?

Como identifico um pagamento em custódia na Conta Moip?

Posso fazer o reembolso de um pagamento em Custódia?

O que acontece se um pagamento em custódia recebe um chargeback?

Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 0 de 0
Tem mais dúvidas? Envie uma solicitação

Comentários

Por favor, entre para comentar.